Encontre Livros em Promoção nos nossos Principais Parceiros

Livraria da Travessa  Livraria Cultura Livraria da Folha Submarino

Lady Charlotte and Mr. Philip ¤ Capítulo I

***

Charlotte


No interior de uma cidade de Londres havia uma dama chamada Charlotte . Ela morava com seus tios, pois era órfã, era sonhadora e determinada, mas sentia que vivia presa, e queria viver coisas novas. Por que,  Charlotte sabia que a vida tinha mais do que ela conhecia, ela queria ver o mundo a partir do seu ponto de vista,  queria conhecer por ela mesma a fim de tirar as suas próprias conclusões. Mas por não ter muitas oportunidades em sua vida, sentia ser um estorvo desejar mais do que deveria.

Seu único escape eram os livros e os seus desenhos, ela era muito talentosa e todos elogiavam o seu trabalho, mesmo que ela não tivesse aptidão para a musica ou dança, era vista como uma moça relativamente prendada. Ela tinha outros primos e primas e os considerava como seus irmãos mais novos. Um dia escutou seu tios conversando entre si que estavam planejando um casamento para ela.
Charlotte com razão sabia que seria uma desfeita muito grande ir contra a vontade de seus tios, porém casar-se sem amor não fazia parte dos seus planos. Queria, antes de aceitar qualquer proposta, ter plena certeza de seus sentimentos, se seriam arrebatadores ou não, pois desejava viver intensamente uma vida a dois.
Sir Davies, seu tio, herdara o título de um primo distante que morreu solteiro, mas o título e a herança do parente vieram com algumas dívidas. Sua tia a Sra Davies, era uma mulher pouco atraente, não ligava muito para seus filhos e muito menos para Ela.
Tudo o que Lady Davies queria era se livrar o mais rápido o possível de Charlotte, a quem via como um terrível fardo a carregar. Sir Davies, era um homem compreensivo,  porém muito facilmente manipulado pela esposa, amava sua sobrinha como uma de suas filhas, mas reconhecia que uma moça da sociedade tinha que se casar o quando antes, para não acabar como uma solteirona...
Sir Davies fora a uma assembléia no começo do outono, e haviam vários cavalheiros, alguns em ascensão outros ricos e outros nem tanto. Deste então tornou-se assíduo,  frequentando a assembléia duas vezes por mês.  Eles sempre conversavam muito sobre os vários  aspectos da sociedade. E um jovem, não tão jovem lhe parecia agradável para ter como "genro".
O Sr Phillip era um exemplo de cavalheiro. Possuía uma boa fortuna, empregados, um talento musical sem igual. Tinha o dom de atrair os olhares para si e o de cativar as pessoas com o seu carisma sem igual. Apesar de não ser mais tão jovem e de estar já na casa dos vinte e sete anos, sr Phillip era muito atraente e juntamente com o seu carisma isso o tornava ainda mais belo. Apesar de todos esses atributos, Sr, Phillip estava solteiro, mas não por que quisera assim, mas por causa de uma dor do passado que o impedia de acreditar no amor. Foi quando soube das intenções do Sir Davies, que o queria como seu genro,  mas Sr.Philip tinha medo do que poderia acontecer,  pois tinha receio de não conseguir mais se casar.
No passado houve um grande mal entendido e essa situação poderíamos vir a tona novamente.
Mesmo assim ele conheceu Charlotte e após 5 anos se lamentando, ele se convenceu que poderia cortejá-la. Charlote era jovem, beirando os 20 anos.
Então Sr. Phillip enviou a Sir Davies uma nota.
"É com prazer que convido-o junto com sua família para um jantar amanhã." Atenciosamente Sr. Philip
Sr. Davies com prontidão, mandou a resposta com os agradecimentos e a confirmação.
 Antes de anunciar o convite a sua família, Sir. Davies pediu que Charlotte fosse até seu escrito. Ele não queria assusta-la e fazia questão de deixar claro para ela que queria apenas apresentar à ela um bom moço, não só de fortuna, mas de caráter e que ela não era obrigada a se casar com ele...
Charlotte descera ao escritório de seu tio assim que recebera a informação que o mesmo lhe queria  falar.
Charlotte bate à porta:
- Com licença, meu tio o Senhor deseja falar comigo?
Ao que seu tio responde:
- Sim, Charlotte,  por favor sente-se. Você sabe que eu a amo como uma filha, afinal você tem meu sangue. Sua mãe,  minha cunhada, não pode vê -la crescer e se tornar a bela mulher que é. E você sabe que eu te desejo o melhor nessa vida. Assim como para meu filho e minhas duas filhas...
E Continuou:
- Então, minha querida tudo o que desejo é a sua felicidade e bem-estar.... por isso sua tia e eu decidimos que esta na hora de procurar um marido para você, sendo a mais velha, você deve se casar primeiro. E eu já tenho um bom partido para você em mente...
- Mas titio...
Charlotte não estava muito surpresa com essa noticia, desde de que ouvira seus tios conversando, não passava um dia ou uma noite em não pensasse quem seria seu futuro noivo. Sua imaginação a levava para opções ora muito otimistas ora muito sombrias: e se ele for bonito? Ou se ele agressivo? Se ele for bonito porem obtuso? E se tiver vícios? E se for muito velho? Charlotte estava com olheiras embaixo dos olhos por causa da preocupação e das noites sem dormir que esse assunto lhe causou...
 - Eu acho que não estou pronta para casar. - disse ela
- Bobagem filha, você já tem 20 anos, e claro q está pronta para o casamento, há moças que se casaram muito mais cedo.
Charlotte então foi notificada do jantar na residência do Sr. Philip, o que a fez consentir com certa repulsa pois não poderia deixar de supor o pior. Apesar de confiar em seu tio, Charlotte sentia que ele estava cometendo um grande erro ao planejar um casamento contra a sua vontade... "O que esperar desse jantar então? Tentar ser agradável? Ocultar meus reais sentimentos?" e mais um turbilhão de pensamentos invadiam a mente de Charlotte.


Leia o Capítulo II


***
Com Contribuições de:
Angélica Damasceno, Camila Ribeiro, Emily Correia, Suelen Trindade, Raquel Fernandes


Digite seu Email e Fique por Dentro de Tudo que Acontece Aqui, Posts, Promoções e Sorteios:


15 comentários

  1. Parabéns pelo capítulo. Adorei ele haha na verdade, gostei MUITO. Meus parabéns!

    http://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Achei muito legal a iniciativa de vocês escreverem uma história a partir de um grupo no Whatsapp! (rs). Parabéns pela produção desse capítulo. Eu confesso que não vi grandes acontecimentos nele, mas acho que é uma introdução à situação de Charlotte. Só espero que o Sr. Philip seja agradável com ela (rs).

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    É estio um romance histórico?? Bacana vocês estarem escrevendo.
    E quantas pessoas..rs

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adoro romance histórico, vamos ver o que Charlotte achará de Sr. Phillip!
    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
  5. Oiee ^^
    Amo romances ♥ só acho que essa história daria um livro incrível, e estou doida para saber o que acontecerá no jantar, porém, acho que as coisas deveriam ir um pouco devagar, assim prendem mais a atenção do leitor :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Adorei. Mal posso esperar para ler os próximos capítulos, e para conhecer o Sr Phillip. E gostei muito da Charlotte, me identifiquei com ela em vários aspectos <3

    https://catarseemletras.wordpress.com

    ResponderExcluir
  7. Gostei do início da história e sucesso para vocês! Amo livros de época, e Jane Austen e Julia Quinn estão na minha lista. Pretendo acompanhar o rumo da história. Abraços!

    Tony

    ResponderExcluir
  8. Pera essa história é criada pelo Whatt? Mano que legal...Amei esse capítulo, muito bem escrito, vou ver se consigo acompanhar ^^
    http://odiariodoleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Angélica, tudo bom?
    Não conheço muito de Jane Austen, só iniciei a leitura de Persuasão, mas parei, mas consegui identificar alguns pontos na narrativa de vocês. A personalidade de Charlotte, os livros, a sensação de não pertencer a tal lugar, a questão do casamento arranjado da época e etc. Tudo bem legal, principalmente para os fãs da autora.

    Só acho que as coisas deveriam ir pouco mais devagar, como já dito em algum dos comentários aqui, mas tirando isso, tá bem legal!

    Abraços,
    http://claqueteliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Adorei essa ideia
    Gosttei bastante da História
    Adoro romances de época

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olha eu gostei bastante do texto.
    Notei que é muito bem escrito e me parece ser um romance lindo.
    Eu queria saber se vocês tem isso no Wattpad? Se tiverem me passa que eu vou ler por lá.
    Eu gosto de conhecer novos autores que escrevem tão bem assim.
    Eu amei a história. Nossa, tá lindo mesmo. Vou ler o segundo.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/08/resenha-mentiras-que-confortam.html\

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Acho romances tão lindos e adorei sua ideia de postá-lo aqui. Amei o primeiro capítulo, quando que sai o segundo?

    http://loucurasaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Adorei o conto e a ideia de vcs de escreverem juntos. Vou já conferir a continuação, plis estou curiosa para saber como a história vai se desenrolar. XD

    Beijo!

    ResponderExcluir
  14. Adorei a história,eu amo romances assim e com toda certeza vou correndo ler o capítulo 2!!

    Perfeito meninas...

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir

Comentários são sempre bem vindos.
Marque a opção Notifique-me para receber a resposta ao Comentário.
Se quiser que eu responda por email, não se esqueça de deixá-lo aqui.
Se encontra algum erro no blog por favor nos avise!
O Comentário estará Disponível Após Moderação.

Quer deixar seu link? Use essa Dica

Topo