Encontre Livros em Promoção nos nossos Principais Parceiros

Livraria da Travessa  Livraria Cultura Livraria da Folha Submarino

Resenha relâmpago - Livro: A garota - Katherine Salles

***

Resenha relâmpago

Livro: A garota (Título original: Chappy - That's All)
Autora: Oliver Sandys
Tradução: Paulo de Freitas
Editora: Companhia Nacional
Ano de publicação no Brasil: década de 20, mas esta reedição data de 1984


Oliver Sandys foi uma autora inglesa nascida em 1886 e falecida em 1964. Seu verdadeiro nome é Marguerite Florence, mas foi como Oliver Sandys que ela publicou 38 romances.
Tenho lido, nas últimas semanas, livros da Coleção Biblioteca das moças, um grande achado literário, esses livros são em sua maioria, de autoras francesas e inglesas, e podem ser achados em sebos por valores bem baixos (pago $6 nos que compro). As leituras anteriores foram igualmente surpreendentes, e é triste que as editoras não lancem outros títulos dessas autoras.
Vamos á Chappy:
Chappy, a protagonista, é um "menino de rua", sim, seu pai a trata e a veste como menino e ainda por cima e usa como cúmplice em seus pequenos delitos. Chappy então é um trombadinha típico, que vive de bater carteira nas ruas de Londres. É em um desses furtos que ela conhece Estevam, um escritor que se compadece dela, pensando ser um menino. Quando o pai de Chappy é preso, ela vai até esse escritor e o pede abrigo. Não preciso dizer que após ele descobrir que o menino é uma moça, na verdade, eles se apaixonam e Estevam a toma como musa para seu próximo livro (ele tem o hábito de escrever romances sobre mulheres e dar o nome delas como título)
Essa premissa é bárbara.
Em seguida entra a vilã em cena, a musa do livro anterior de Estevam que não aceita ser passada para trás, entre outros personagens fortes e pesados. Confesso que não esperava que esse livro tivesse a força que tem. Chappy, quando é descoberta menina, diz, sobre viver sendo do sexo feminino:
"Encerrada o dia todo num quartinho, com cabelos presos por grampos, e á espera da noite, quando o marido volta para surrar os filhos com a fivela de sua cinta e gritar com a mulher porque não lhe guardou nenhuma comida, completamente embriagado e sem um vintém no bolso, porque gastou tudo o que tinha... Ou, se a gente não é casada, aturar esses diabos que vivem a nos arrastar as asas... que andam atrás da gente, quer lhe queiramos ou não, sempre com insinuações imbecis e propósitos baixos, e nos enchem de terror... porque se sabe o quanto um homem é capaz quando está bêbado ou apaixonado."
A temática é atualíssima, e confesso ter ficado bastante chocada com a coragem da autora em expor temas como assédio sexual (Chappy é assediada por um comparsa de seu pai, que a persegue durante o livro) entre outras coisas. A única coisa da qual não gostei, foram de algumas falas da protagonista, mas que creio se justificarem pela época em que se passa a estória, e á própria criação que ela teve nas ruas.
Enfim, um livro que vale a pena ser lido e retirado do subsolo literário onde se encontram várias grandes escritoras.
-Katherine Salles


Digite seu Email e Fique por Dentro de Tudo que Acontece Aqui, Posts, Promoções e Sorteios:


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos.
Marque a opção Notifique-me para receber a resposta ao Comentário.
Se quiser que eu responda por email, não se esqueça de deixá-lo aqui.
Se encontra algum erro no blog por favor nos avise!
O Comentário estará Disponível Após Moderação.

Quer deixar seu link? Use essa Dica

Topo