Encontre Livros em Promoção nos nossos Principais Parceiros

Livraria da Travessa  Livraria Cultura Livraria da Folha Submarino

O QUÃO RICO ERA MR. DARCY? - PARTE 3

Artigo de JAMES HELDMAN, publicado originalmente em 1989.

OBS: Essa última parte não trata de nenhuma das obras e sim da vida da autora. É bem curtinha :)


a renda de jane austen


Assuntos financeiros na vida de Jane Austen têm, em seus livros, tanto lados obscuros quanto brilhantes.
Nós  sabemos, através de registros, que Jane Austen recebeu um total de 684,13 libras em vida em razão de seus romances - algo acima de $22,500 -, um fato que deve dar tremores à seus leitores. Mas a má situação em que se encontravam a Sra. Austen e suas filhas quando se mudaram para o chalé em Chawton não foi deprimente quanto parece. A Sra. Austen recebia, então, 210 libras ao ano de variadas fontes, e isso era suplementado por presentes anuais de seus filhos James, Henry, Edward e Frank, o que totalizava 250 libras. Dessa maneira, a renda anual das damas de Chawton era de 460 libras - pouco mais de $15,000 - quinze vezes a renda per capita - e a casa era provida para elas por Edward.
Quando Martha Lloyd se juntou à elas, ela adicionou sua pequena renda aos rendimentos das outras. Elas não eram ricas de qualquer maneira, mas aparentemente estavam confortavelmente na classe média - talvez até um pouco acima da classe média. Elas podiam até manter um servo e puderam comprar um piano para a irmã mais nova de Jane por menos de 30 guinéus. Henry, com seu otimismo usual, escreveu para Frank: "Eu realmente acho que minha mãe e minhas irmãs irão ficar completamente ricas, mais do que nunca. Elas não irão sofrer qualquer depravação pessoal, mas poderão visitar seus amigos em questões de saúde e em momentos de prazer". Eventualmente, Jane Austen também investiu as 600 libras de sua escrita nos cinco por cento da marinha, o que gerou à ela 30 libras adicionais ao ano - quase $1,000. Ela podia viajar de vez em quando, visitar Henry em Londres, ir ao teatro frequentemente, fazer compras para ela e seus familiares - embora sempre com o olho afiado para os preços. Certamente, a Sra. Austen e suas filhas parecem ser sido razoavelmente confortáveis. Elas não podiam ser extravagantes, e sem dúvidas não podiam fazer tudo que elas pudessem desejar, mas não há nada nas cartas estudadas que sugira que elas estivessem de alguma maneira empobrecidas ou necessitadas. Para ser claro, elas eram dependentes dos irmãos e iriam preferir uma renda maior, mas não há nenhuma indicação de que elas considerassem a si mesmas pessoas em um precário estado financeiro, mesmo quando as circunstâncias fizeram com que Henry e Frank precisassem parar com os pagamentos das 50 libras à Sra. Austen em 1816.
Os irmãos Austen também iam muito bem. Edward havia herdado Godmersham e Chawton. Henry tinha seus problemas como um banqueiro mas eventualmente estabeleceu uma vida confortável como um homem do clero. Tanto Frank quanto Charles eram oficiais da marinha, e os dois, eventualmente, tornaram-se almirantes. Em 1807, Frank estabeleceu para si mesmo um orçamento de 400 libras ao ano, mas ainda assim continuava podendo manter sua contribuição de 50 libras para a mãe e as irmãs. Charles, uma vez que era mais novo e mais abaixo na patente do que Frank, não fazia qualquer contribuição regular - até onde nós sabemos. Em 1808, a renda de James, proveniente de Steventon, era de 1,110 libras - cerca de $36,000 - e ele podia bancar três cavalos.

Fonte: Jasna.org

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos.
Marque a opção Notifique-me para receber a resposta ao Comentário.
Se quiser que eu responda por email, não se esqueça de deixá-lo aqui.
Se encontra algum erro no blog por favor nos avise!
O Comentário estará Disponível Após Moderação.

Quer deixar seu link? Use essa Dica

Topo